Picnic das Blogueiras e Youtubers de MT

Essas são as Blogueiras e Youtubers de Mato Grosso! Clique aqui e confira como foi esse encontro!

Leia mais

Look Hiroshima

Me arrisquei num novo estilo e super amei, clique e confira!

Leia mais

Probeleza 2016

Veja um pouco desse evento de beleza que aconteceu na nossa capital, clique aqui e confira!

Leia mais

19/10/2012

Primeiro Beijo


Muitas expectativas são alimentadas sobre o primeiro beijo (principalmente entre as meninas), como é complicado assumir que não estamos preparadas para tal sensação, como é difícil assumir que nunca passamos por esta experiência para outras pessoas.



Eu já tinha gostado de vários meninos (desde os 5 anos eu tenho umas "paixonites"), mas nenhum me fazia pensar em beijar, sempre em andar de mãos dadas e coisinhas bobinhas (por causa da idade), mas nunca em beijar, foi com 10 anos que surgiu a primeira ideia do beijo. Cara, que coisa extranha eu sentia.

Na época existia um tratado entre as meninas que se
chamava ABR (Associação de Beijo no Rosto), ABB
(Associação de Beijo na Boca) e ABL
(Associação de Beijo de Língua) - o que eu mais temia.

Eu tinha uma "melhor amiga" (porque depois me decepcionou pra caramba) e tratava só com ela, pois ela sabia o menino que eu gostava e queria que ela mandasse eu beijar somente ele. Um dia, eu cai no tratado, deveria pagar, com beijos. E era pra ser com ABL. Como eu endoidei, parecia que meu coração ia sair pela boca, e o que mais sentia era náuseas. Parecia que eu iria vomitar na boca dele... Ugh!
Tentei, mas a única coisa que saiu naquele dia foi beijo no rosto (ainda bem).

Passou um tempo eu gostei de outro menino, e a única coisa que aconteceu foi um selinho... :(
(Pra mim, selinho não é beijo, eu beijo minha mãe assim.)

Foi quando me apaixonei por um rapaz, muito mais experiente do que eu, eu tinha apenas 12 anos e ele 19. A ideia do cara maduro me chamou muito a atenção, já o conhecia, conhecia a familia. Comecei a corresponder por cartas, e ele por 4 looooooongos meses conversou sobre BEIJAR.
Fui mastigando a ideia, fui criando coragem, tinha contado meu pânico sobre vomitar e blá-blá-blá e ele me mostrando o quanto eu podia amar a sensação do beijo. E finalmente em 19/10/2002 dei meu primeiro beijo. (Respirando fundo agora - afffffffffff)

Sempre ouvi histórias sobre sinos badalando e fogos de artifícios. E era verdade!

Depois do beijo eu fiquei horas na frente do espelho me analisando, lembrando e curtindo aquele momento.
Foi o primeiro beijo da pessoa que se tornou o único na minha vida, hoje meu atual esposo, e depois de 10 anos é com ele que quero sempre dar o primeiro beijo do dia, da noite, da madrugada, do pôr-do-sol, do amanhecer, da semana, da velhice e do resto da minha vida!

"O Beijo é um truque arquitetado pela natureza para interromper a fala quando as palavras se tornam supéfluas."


Beijinhos
E até a próxima!